Comece aqui

O poder de um orçamento bem feito

controle-de-orcamento

Você é daquelas pessoas que fazem seu planejamento mensal de gastos? Parabéns!

E como é esse planejamento? Sobra dinheiro? Falta? Você consegue comprar tudo o que precisa? Consegue comprar o que você quer?

Bom, um orçamento da forma que é feita normalmente não passa de um controle de quanto você tem gasto. Seu objetivo é simplesmente saber se vamos atravessar o mês no azul ou no vermelho.

Para você, que já tem o hábito de fazer este controle mensal, preocupe-se agora em reservar parte de sua renda à realização de seus sonhos. Se você não faz isso, corre o risco de gastar o que sobra com qualquer coisa, e depois se perguntar o porquê de ter comprado aquilo.

Se você tem sonhos e sabe o quanto eles custam, inclua-os em seu orçamento mensal, já reservando parte de seus rendimentos para a realização desses sonhos.

Fazendo isso, você terá a condição de pagar pelo seu sonho à vista, consequentemente pagando muito menos do que pagaria a prazo, porque não estará pagando juros. E não se engane com aquelas compras onde os produtos são anunciados “12 vezes sem juros”. Os juros já estão embutidos no valor do produto. Quando você tem o valor total em mãos, poderá e deverá pedir desconto, e o dinheiro que economizar nessa compra já te deixará mais próximo do seu sonho seguinte.

Portanto, a partir de agora, inclua um lugar em seu orçamento para seus sonhos. No mínimo um sonho de curto prazo, um de médio prazo e um de longo prazo. Garanto que quando seus sonhos começarem a se tornarem realidade, todo esse esforço gasto com o planejamento valerá a pena.

Controle da ansiedade

16426244_1252420104840814_5945538344798009783_n

Crédito foto: Reprodução / Facebook oficial Confederação Brasileira de Voleibol

 

O homem possui cinco emoções primárias: alegria, medo, amor, raiva e tristeza. Algumas emoções que sentimos são derivadas dessas emoções primárias.

A ansiedade, por exemplo, é derivada do medo. O medo é uma emoção que inibe a ação. Ele nos ensina o respeito aos limites, mas ao senti-lo de forma excessiva, não conseguimos realizar aquilo que queremos.

O medo aparece quando vivenciamos um perigo real. A ansiedade é uma emoção que aparece antes de vivenciarmos o perigo real. Ela aparece ao imaginarmos o perigo e nos causa agitação.

Na pessoa ansiosa predominam os pensamentos negativos e a agitação física.

Uma pessoa pode estar ansiosa temporariamente ou ser uma pessoa ansiosa, transformando a ansiedade em um traço de sua personalidade.

Geralmente é temporária quando, por exemplo, um atleta vai participar de um evento importante. A incerteza do resultado e a importância do evento trazem este sentimento à tona. Este sentimento traz o diálogo interior negativo, ou seja, a pessoa tende a pensar que há algo errado, que não vai conseguir, entre outras coisas. Traz também sensações corporais desagradáveis. A musculatura fica tensa, o coração bate mais rápido, as mãos transpiram, o estomago embrulha e a pessoa sente dificuldade em se concentrar.

Com tudo isso acontecendo, é evidente que o desempenho da pessoa será comprometido, já que seu corpo e sua mente não estão funcionando em condições normais.

Quando sentir-se ansioso, procure fazer o seguinte:

  • Relaxe o corpo e a mente, através de exercícios de respiração. Há diversos sites e vídeos na internet que ensinam técnicas eficientes de respiração. Use essas ferramentas a seu favor.
  • Controle os pensamentos disfuncionais. Interrompa imediatamente pensamentos que não o ajudarão a ter um bom desempenho.
  • Mantenha o foco na sua meta e no que você precisa fazer para alcança-la.
  • Quando houver algum imprevisto, tente voltar ao seu estado natural o mais rápido possível, controlando a respiração, mentalizando a vitória, ouvindo uma música que o deixe em um estado mais relaxado e através de autoafirmações positivas, convencendo a si mesmo de que está preparado, merece e irá conseguir cumprir sua meta.

 

Sonhar para consumir

tornarsonhosrealidade.jpg

Como é bom podermos comprar as coisas que gostamos, não é? Melhor ainda se essa compra não vem seguida de um arrependimento.

Para não sentir esse arrependimento, a melhor coisa é ter controle de suas finanças. Saber o quanto irá pagar no que quer comprar e quanto tempo irá levar para ter o dinheiro.

Se puder comprar à vista melhor ainda, mas se não puder, a compra deve caber em seu orçamento. Nada que um bom planejamento prévio não resolva.

Para não cair na tentação do consumo por impulso, tenha consciência do esforço necessário para a realização dos seus sonhos.

Procure ter no mínimo três sonhos, um de curto prazo, um de médio prazo e outro de longo prazo. Estes três sonhos o ajudarão a manter a disciplina necessária para que você não saia gastando com qualquer coisa que vir pela frente.

E lembre-se, tenha sonhos específicos. Não adianta nada você pensar “meu sonho é ser rico” sem que você tenha o planejamento correto e saiba o valor exato que quer ter. É diferente de “meu sonho é ter R$ 10.000.000,00”. Você sabe exatamente o quanto você quer, e poderá analisar qual é a estratégia necessária para conseguir seus R$ 10.000.000,00.

Sonhe, conquiste, realize, seja feliz!

Encontrando motivação

16649316_1117763338350010_410170159710951169_n

Crédito foto: Reprodução / Facebook oficial Confederação Brasileira de Atletismo

 

A motivação é a energia de ativação necessária à ação. Sem essa energia, o motivo, não temos a ação. Então a motivação é o MOTIVO que gera a AÇÃO.

Para se manter motivado, você precisa que essa energia tenha uma intensidade que o leve à ação. Somada à essa intensidade, você precisará ter persistência para continuar a ação mesmo quando hajam dificuldades.

Se você tem a motivação, direcione seu esforço para a tarefa que deseja cumprir. Para isso você precisa de uma meta clara.

A motivação pode aparecer devido a fatores internos ou externos, ou seja, pode aparecer de alguma necessidade que você tenha, algum interesse seu, como também de oportunidades enxergadas em seu ambiente ou incentivos externos.

Pessoas motivadas são orientadas para o sucesso, ou seja, quando você está motivado, você calcula o risco de seu empreendimento, mas não deixa que esses riscos inibam sua ação. Suas metas são desafiadoras, mas realistas. São disciplinadas, determinadas e possuem o autocontrole necessário para manterem-se motivados quando as coisas não acontecem como planejado.

É importante que você saiba formular suas metas. Você deve saber exatamente o que você quer, quando, quanto isso irá custar. Deve saber também se essa meta é possível de ser realizada e se ela não prejudica as pessoas ao seu redor.

Quando surgirem problemas, reavalie sua meta, analisando quais são suas alternativas, quais são as vantagens e desvantagens de cada alternativa, decida e execute.

Procure um meio termo entre a apatia, que faz com que você não queira sair de seu estado atual, e o nervosismo, que causa preocupação excessiva.

Siga estas orientações e torne seus sonhos realidade. Seja motivado! Você pode!

 

O controle de suas finanças

planejamento-estrategico-roteiro

Assim como acontece com nossa saúde, quando não temos controle de nossas finanças, as coisas podem se complicar.

Quando nos habituamos a simplesmente deixar as coisas para depois, comendo o que queremos, a hora que queremos, não dedicando tempo para exercícios físicos, os efeitos podem ser desastrosos. Em alguns meses seguindo essa “rotina”, seu corpo pode mudar de uma forma que você, um belo dia ao olhar-se no espelho, não se reconhece, e nem sabe como aquela barriga apareceu lá. Se for uma pessoa prudente, procurará um nutricionista para te ajudar a adequar sua rotina e sua alimentação.

O nutricionista pedirá para você um exame de sangue. Por meio dele você saberá se está tudo bem com o seu organismo com detalhes. Além disso, o profissional vai perguntar para você como está sua rotina e seus hábitos alimentares. Baseado nessas informações, vai propor mudanças que farão com que você chegue a seu objetivo, que pode ser emagrecer e ganhar mais saúde.

Observe que, só quando o profissional tem as informações detalhadas do seu estado atual ele poderá te ajudar a atingir seu objetivo.

O mesmo acontece com sua vida financeira.

Quando você comprar algo, mas não tem nenhum controle sobre nossas finanças, entra em uma espiral decrescente, onde seu dinheiro nunca é suficiente. Compra para satisfazer um desejo momentâneo, sem se planejar, e acaba adquirindo mais uma dívida que comprometerá seu orçamento. Fazendo disso um hábito, você terá uma chance enorme de acumular várias dívidas e não ter como honrá-las mais tarde.

Portanto, cuide de sua saúde financeira. Saiba como estão suas finanças atualmente, através de um apontamento de despesas, que pode ser um caderninho mesmo, onde você possa anotar, com detalhes, todos os seus gastos mensais.

A partir daí, você poderá pensar no que você sonha comprar, e se planejar para conseguir realizar a compra, sem comprometer sua saúde financeira.

Aumente sua concentração e tenha melhores resultados

15876959_1239632452798550_8754643164712665088_n1

Crédito foto: Reprodução / Facebook oficial Fedor Emelianenko

 

A concentração nada mais é do que a capacidade de estar focado em uma ação, conseguindo evitar distrações. Quando você está concentrado no que tem que fazer, toda sua atenção e energia estão direcionados à sua tarefa, gerando melhores resultados.

As distrações fazem com que sua energia e atenção se dispersem, fazendo com que você desperdice energia e diminuindo as chances de realizar um bom trabalho.

Dependendo do ambiente em que você se está, encontrará muitas fontes de distração, mas felizmente, nós humanos temos a capacidade de selecionar nosso foco de atenção. A essa capacidade, damos o nome de atenção seletiva. Quando conseguimos ler um livro em um local barulhento, por exemplo, estamos fazendo uso da atenção seletiva a nosso favor.

Você deve manter o foco de sua atenção na ação que pretende realizar. Atletas, quando estão em competição, estão em um ambiente diferente do que realiza os treinos, com pessoas gritando seu nome, ou o nome do adversário, torcendo a favor ou contra eles, mas apesar de tudo isso, conseguem manter o foco na tarefa que foram realizar.

Tenha consciência da situação. Quando vamos realizar uma tarefa mas não sabemos ao certo o que devemos fazer, temos mais chances de perder a concentração. Como alguém que vai realizar uma palestra sobre um assunto que não domina totalmente. Ao tentar buscar a melhor forma de explicar o assunto, pode perder a concentração e terá dificuldade para fazer sua mente voltar à tarefa.

Uma mente concentrada é uma mente com foco no presente, deixando um pouco de lado o passado e o futuro.  É também uma mente relaxada, pois tem toda a situação em que se encontra sob controle.

Mas como me tornar uma pessoa mais concentrada?

Exercite o diálogo interno, encorajando a si mesmo com pensamentos positivos.

Quando aparecer algum pensamento que não irá te ajudar a realizar aquela tarefa, interrompa-o na hora, e volte sua atenção à tarefa e ao presente.

Tenha o hábito de fazer uma visualização toda vez que for fazer uma tarefa importante, procurando imaginar como será realizada a tarefa, com riqueza de detalhes. Por exemplo, se você for um atleta, imagine-se chegando ao ginásio em que irá competir, o que fará quando chegar lá, como será quando estiver se aquecendo para a competição, como será quando estiver entrando na área de competição e competindo, sempre direcionando esta simulação para o sucesso, ou seja, a vitória.

Estas práticas podem ser realizadas por todos aqueles que têm como objetivo melhorarem sua capacidade de concentração.

Gaste menos dinheiro e ganhe mais saúde!

perdas-dinheiro-saude

Sabe aquela caixa de cerveja que você compra para o fim de semana? Pois é, ela pode estar de deixando mais pobre…

Se você consome 1 caixa de cerveja por semana, que custa em média R$ 20,00, estará desembolsando por ano R$ 1.040,00, já que o ano tem 52 semanas.

Agora supondo que, além da cerveja, você gosta de uma pizza com refrigerante uma vez por mês, custando uma média de R$ 50,00 no total. Em 1 ano você terá um gasto total de R$ 600,00, e se somar a cerveja serão R$ 1.640,00 por ano.

E se, além da cerveja semanal, da pizza com refrigerante uma vez por mês, você gosta de comer um docinho, ou um salgado na padaria, três vezes por semana, no valor de R$ 2,00 cada, ao final de um ano terá gasto R$ 312,00 ao final de 1 ano, e esse valor somado aos gastos mencionados acima, terá um total de R$ 1.950,00. Em 10 anos, terá gasto quase R$ 20.000,00 em cerveja, pizza, refrigerantes, doces e salgadinhos. Sua barriga provavelmente estará um pouco maior, mas seu porquinho estará mais magrinho.

Hoje em dia, existem redes de academias onde, com menos da metade desses R$ 600,00 você consegue pagar 1 ano de mensalidades. Você estará cuidando da saúde, tanto física quanto financeira, pois, quem pratica mais atividade física acaba mudando os hábitos alimentares naturalmente. A barriga vai começar a diminuir e o porquinho voltará a engordar.

Com o porquinho engordando, você estará mais perto tornar realidade aqueles sonhos que exigem recursos financeiros, e com certeza conseguirá aproveitá-los melhor, pois estará com mais saúde!